Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Palavras de Areia

Partilha de sentires, emoções, aferições, estados de alma e coisas banais. Pequenas histórias de ontem, de hoje e que se sonham para o amanhã.

Palavras de Areia

Partilha de sentires, emoções, aferições, estados de alma e coisas banais. Pequenas histórias de ontem, de hoje e que se sonham para o amanhã.

Feliz aniversário!

Hoje é dia de aniversário. O dia em que celebramos a vida, o privilégio de estarmos vivos e de poder sentir tudo.

Os anos passam, passamos por tanto, por muito, por pouco. Achamos que haverá sempre o tempo, o tempo do sonho, do mais além, mas ele escorre, ele foge. E as concretizações foram outras, as surpresas foram muitas, os risos foram inesperados, os choros foram marcantes. Mas tudo foi sentir, foi viver.

E a despedir-me dos 30, com tantas vidas vividas, que já nem parecem minhas, três filhos depois, com tanto que fui perdendo, com tanto que fui ganhando, hoje sei que vale sempre a pena respirar fundo e sorrir a cada momento de vida.

E mesmo crescida, mãe, vou continuar a viver na minha bolha de sonhos, a olhar o céu, as minhas nuvens e as minhas estrelas, a perder-me nos sons da natureza, o soprar do vento, o roçar das folhas, o canto dos pássaros. 

Quero ter tempo para amar, quero que me amem. Quero ser!

Quero poder acarinhar os meus filhos. Quero ler, quero escrever, quer ouvir música, quero cantar, quero pensar. Quero estar! 

Parabéns a mim!

 

2018-07-27 13.39.50.jpg