Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Palavras de Areia ®

Partilha de sentires, emoções, aferições, estados de alma e coisas banais. Pequenas histórias de ontem, de hoje e que se sonham para o amanhã. Poemas meus e desabafos de amor e de vida.

Palavras de Areia ®

Partilha de sentires, emoções, aferições, estados de alma e coisas banais. Pequenas histórias de ontem, de hoje e que se sonham para o amanhã. Poemas meus e desabafos de amor e de vida.

28.02.21

Eu sei, sinto...

Maresia
Saberá o vento limpo, o céu Que acendem, arrancam... Suspiros arrepiados, sorrisos Que brotam em mim, levados. Saberão as ervas altas, a terra Que seguram, acariciam... Ternuras felizes, lamentos Que me percorrem, dançando. Saberão as estrelas minhas, o sol Que iluminam, guiam... Sonhos amados, desejos Que me alimentam, vividos.  
14.01.21

A minha Epopeia

Caminho de Santiago

Maresia
O Caminho de Santiago foi para mim uma experiência inigualável, uma epopeia de vida. E, tal como a de Camões, foi dotada de grandeza, solenidade e heroísmo. E nela cantei os meus 40 anos de vida e os Homens e Mulheres ilustres que a preencheram de afeto e ensinamentos. A minha Proposição, uma vivência única, um teste psicológico e de superação física, alcançada no momento que vislumbrei a Praza do Obradoiro e percorri aquele tapete de pedras a olhar a monumentalidade da (...)
05.01.21

O Meu Caminho de Santiago - Há um ano...

As primeiras páginas dos primeiros passos de uma aventura inesquecível.

Maresia
Um dia, descobri o Caminho de Santiago. Espreitei-o, sorri-lhe e guardei-o num cantinho de mim como algo inspirador. Anos mais tarde, redescobri-o ou melhor, ele foi-me espreitando, cutucando, aqui e ali, e um dia, percebi que era este o desafio, o alento, o sonho mais breve que eu queria, que eu precisava desesperadamente de concretizar. Eu, só eu e o Meu Caminho. E assim, respirei fundo, acrescentei uns quilómetros às minhas caminhadas diárias e em poucas semanas estava delineado o (...)
31.12.20

Ano Novo Mágico...

Receita de Ano Novo, Carlos Drummond de Andrade

Maresia
Para você ganhar belíssimo Ano Novo cor do arco-íris, ou da cor da sua paz, Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido (mal vivido talvez ou sem sentido) para você ganhar um ano não apenas pintado de novo, remendado às carreiras, mas novo nas sementinhas do vir-a-ser; novo até no coração das coisas menos percebidas (a começar pelo seu interior) novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota, mas com ele se come, se passeia, se ama, se compreende, se trabalha, voc (...)
05.12.20

Pela Vida

Maresia
Há portas que se fecham Para nos trancarem cá fora, Para nos arejarem. É tempo de renovar, De descobrir novos caminhos, De procurar outras entradas e saídas, De termos a coragem de rodar a chave de outros mundos, De esventrar do corpo a força, da alma a coragem, De sentir a destreza e luz que nos invadem. Hora de rebentar cadeados, soltar ferrolhos e correntes, Para que possamos ver o mundo, Para que ele nos veja... É tempo de renascer, De abrir outras portas, De soarem os sons de (...)
28.11.20

Voar pela Vida

Maresia
Excelentes voos para todos! Nestes dias de clausura, de sombras, que sejamos capazes de voar com o nosso espírito e acreditar que dias melhores e mais arejados de Vida chegarão. De olhos postos no Céu, na sua imensidão, e saber que só ele é o limite... Abrir os braços, sorrir, prontos para receber as coisas boas com que sonhamos! Marta, a Maresia 💛  
10.10.20

Saudavelmente felizes

Dia Internacional da Saúde Mental

Maresia
Neste Dia Internacional da Saúde Mental, que seja dia de relembrar que forte é aquele que tem a coragem de pedir SOCORRO, de saber que haverá alguém neste imenso mundo que nos dará a mão, que o tempo não pára e com ele arrasta o bom e o mau, que nos devemos rodear de quem e do que nos faz bem, de que a CURA está no nosso ACREDITAR, no SORRISO que nos espera se deixarmos a SERENIDADE e a LUZ entrar em nós. Não nos fechemos em nós próprios, não cruzemos os braços, não nos (...)
24.09.20

Como é difícil dizer adeus…

Maresia
Como é difícil dizer adeus, quando gritamos no nosso silêncio que queremos ficar. Como é difícil aceitar que, neste mar, navegarás sozinho ou não sairás do lugar, como numa espera interminável que não te levará a lado nenhum. É preciso coragem e determinação para encetar viagens, descobertas, sonhos… Ah! Como é preciso, para que haja vida em nós e sangue a correr nas veias, levantar e passar das palavras aos atos! Mas há sempre um espírito guerreiro em nós, como quem (...)
18.09.20

...

Maresia
Mar, céu e infinito sentir. Quadro de beleza efémera. Os vazios, inunda de alma, Cansaços e percalços, voam. E nos faz crer que amanhã, Só para estes instantes, Só para reencontrar este mundo, Vale a pena voltar.  
03.09.20

No corredor da Morte...

Há a Vida...

Maresia
No corredor da monotonia, Há portas e janelas a descobrir... Que só trancam e destrancam por dentro, de ti. Por umas, podes corajosamente fugir, Que o mundo é vasto, mas de raras oportunidades. Por outras, bem...disfruta um pouco, sorri até... Ampara a tua fraqueza no parapeito, Olha profundamente o lá fora, o distante... E fica seguro de que poderias ir... Só a Morte nos pode parar... E agora, escuta-te, olha de novo, no fundo do teu corredor. Segues em frente, passo a passo até ela... (...)
27.08.20

Histórias de Mulheres, da editora Cordel D'Prata

Mãe, minha & És tu...Mulher

Maresia
Já disponível para venda, no site da editora e na Feira do Livro de Lisboa, a coletânea "Histórias de Mulheres" da editora Cordel D' Prata, na qual estão presentes dois textos especiais. Um escrito por mim para a mulher da minha vida "Mãe, minha" e outro que me foi dedicado "És tu...Mulher". 🌸📖💗 http://www.palavrasdeareia.pt/mae-minha-27624 https://soueu79.blogs.sapo.pt/es-tu-mulher-2256 https://cordeldeprata.pt/livraria/ (...)
23.08.20

Do nada

Um poema meu com voz de gratidão

Maresia
Que na minha imagem e voz esteja retratada a minha gratidão. Um poema meu...do nada... E que do nada, a vida faça valer a pena acreditar! 🙏💛😘 Do nada...a vida te surpreende... O mundo gira, acerta os ponteiros. Ficas sem chão, em queda livre... Acordas para a realidade. Os teus poros transpiram os teus medos, O teu peito acelera as emoções, A tua alma acende-se. É hora de tomar o pulso ao destino... A vida não é feita de enganos... Tudo são lições...abanões. Faz (...)
18.08.20

Ironia

Da meada ao enleio tecem os deuses a minha trama...

Maresia
A vida é feita de encontros e desencontros... de altos e baixos... de alegrias e tristezas... de conquistas e derrotas... e só assim, nos adoça, nos arrepia, nos faz sentir, nos faz dar valor a cada sopro, batida e piscar de olhos. Às vezes, gosto de acreditar na ideia de Mário de Carvalho, na sua fantástica A Inaudita Guerra da Avenida Gago Coutinho, e que os deuses também dormitam e sonolentos deixam enlear os fios da tapeçaria do destino e este emaranhado gera confusões, (...)
09.08.20

...

Maresia
Que os dias felizes sejam mais longos, Que esvoacem teus beijos pelos meus cabelos, Que soem teus risos na brisa que passa, Que me levantem do chão os meus sonhos. Maresia @palavrasdeareia.pt 💛 #maresia #palavrasdeareia #poemasmeus #que #diasfelizes #acreditarsempre